sexta-feira, 14 de novembro de 2008

A predestinação de Maria segundo Maria de Ágreda (III)




Ficou decidido, inicialmente, que o Verbo Divino se uniria a uma alma e a um corpo; em seguida, que outros seres seriam feitos à sua imagem e que comporiam a humanidade. Desde então, todos os homens se tornaram presentes no Espírito de Deus. A união hipostática da Segunda Pessoa da Santíssima Trindade, com a natureza humana foi, então, a primeira obra ad extra - exteriorizada -, porque, após o conhecimento e o amor em si mesmos, seria conveniente que Deus conhecesse e amasse o que é mais imediato à sua divindade, como vem a ser a união hipostática, ou seja, que o Verbo humanizado se tornasse o soberano de todas as criaturas e que, por meio d´Ele, sua criação alcançasse Aquele que as criou.

Bem-aventurada Maria de Ágreda, A Cidade Mística ou Vida Divina da Santíssima Virgem Maria (Primeira Parte, capítulo 1)



Nenhum comentário:

Postar um comentário